Sua Página
Fullscreen

Grupo BBF amplia área de cultivo sustentável de palma

Compartilhe este conteúdo com seus amigos. Desde já obrigado!

O Grupo BBF (Brasil BioFuels) ampliou em 10% a área de cultivo sustentável de palma de óleo, também conhecida como dendê, saltando de 68 mil hectares para 75 mil entre 2021 e 2022. A empresa passou a gerar energia renovável para mais de 140 mil clientes, 27% a mais do que no ano anterior. Dobrou ainda a capacidade de produção de biodiesel, com a marca de 64 milhões de litros no ano. Os resultados constam no Relatório de Sustentabilidade de 2022 do Grupo BBF, alinhado às normas GRI (Global Reporting Initiative), principal metodologia para reporte de sustentabilidade mundial. 

O relatório mostra a expansão do negócio e a diversificação do Grupo BBF fundado em 2008. Desde então, a companhia destaca o crescimento robusto e sustentável dentro das premissas de ESG (Environmental, Social and Governance).

Segundo Milton Steagall, CEO do Grupo BBF, o objetivo do Relatório de Sustentabilidade é apresentar seus resultados e os desafios vencidos em 2022. 

Atualmente, o Grupo BBF cultiva mais de 75 mil hectares de palma de óleo nos estados do Pará e Roraima, área 10% maior do que em 2021, quando a planta era cultivada em 68 mil hectares.

A perspectiva, segundo Steagall, é ampliar a área de cultivo de palma na região amazônica. Isso porque o Grupo BBF busca aumentar em 100 mil hectares adicionais o cultivo sustentável da palma em Roraima, na região de São João da Baliza, onde a empresa nasceu.

O Grupo BBF também dobrou sua capacidade de produção anual de biodiesel. Em 2021, a capacidade era de 32 milhões de litros, frente aos 64 milhões de litros em 2022.

Do ponto de vista ambiental, a companhia destaca o estoque de 25 milhões de toneladas de carbono com o cultivo sustentável da palma nos estados do Pará e Roraima, além do cuidado com 60 mil hectares de Área de Preservação Permanente (APP) e Reserva Legal (RL).

Energia limpa para 140 mil moradores e colaboração com a comunidade

Em 2022, mais uma usina termelétrica do Grupo BBF passou a operar no estado de Roraima. Ao todo, 25 usinas estão em operação, com capacidade de geração de 86,8 MW de energia, atendendo mais de 140 mil moradores de localidades isoladas na região Norte. Em 2021, eram 24 usinas em operação, com geração de 51 MW e atendimento a mais de 110 mil clientes.

“Nossas usinas retiram cerca de 106 milhões de litros de diesel fóssil da Amazônia e reduzem a emissão de 250 mil toneladas de carbono equivalente na atmosfera amazônica”, explica Steagall.

A colaboração com as comunidades das regiões em que o Grupo BBF atua vai além de levar energia elétrica limpa, envolve o desenvolvimento socioeconômico de pequenas localidades com a geração de emprego e renda, fomento à economia local e redução do êxodo rural.

Programa de Agricultura familiar

No Pará, nos municípios de Tomé-Açu, Concórdia, Acará e Moju, a companhia segue fortalecendo sua atuação junto aos agricultores familiares. Em 2022 foram 400 famílias beneficiadas, número 33% superior ao de 2021.

A companhia atua no fornecimento de mudas, permuta para compra de fertilizantes com preços acessíveis, assistência técnica com especialistas no cultivo de dendê, auxílio para crédito bancário, estímulos à melhoria contínua e garantia de compra dos frutos a preços competitivos.

Somente no último ano, as famílias parceiras do Programa de Agricultura Familiar entregaram mais de 37 mil toneladas de frutos de palma de óleo, o que gerou receita superior a R$ 30 milhões aos agricultores familiares incentivados pelo Grupo BBF, que promoveu mais de 2 mil visitas de assistência técnica em campo às famílias.

Leia ou ouça também:  Seguro fornece proteção a testes clínicos

Mais mulheres

Atualmente, o Grupo BBF emprega mais de 6 mil colaboradores diretamente, contando com 912 mulheres. Em 2021, a empresa iniciou processo para reforço na inclusão feminina em suas operações, registrando 619 colaboradoras em seu quadro de efetivos. Em 2022, foi registrado crescimento de 50% em relação a 2021, fortalecendo a presença das mulheres na companhia.

“Sabemos que ainda há um caminho longo pela frente, mas a inclusão é uma preocupação do Grupo BBF. Buscamos mais mulheres para trabalhar em todas as áreas da empresa e também na ocupação de cargos de liderança”, afirma Steagall.

Formação profissional e segurança do trabalhador

O Grupo BBF também trabalha para o desenvolvimento de novas lideranças na empresa. A ação consiste na reciclagem do nível de gerência, com o oferecimento de cursos e treinamentos para novos gestores.

Cientes da necessidade de impulsionar a qualificação profissional da população ativa dos estados da Região Norte, o Grupo BBF reforçou parceria com o Senar (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural) e o Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial) em 2022, e ampliou o programa de Jovem Aprendiz, de Estágio e de Aperfeiçoamento Técnico (Senai).

Vale também destacar as ações para redução de acidentes e lesões dos trabalhadores. Em 2022, foram registrados 35% menos acidentes com afastamento do que no ano anterior. A queda no indicador se deve às campanhas de conscientização de prevenção de doenças e cuidados com a saúde, além da realização de encontros e eventos com médicos e especialistas que puderam falar para os colaboradores da empresa sobre assuntos relacionados ao tema.

Novos Negócios

O Grupo BBF anunciou projetos para produção do Combustível Sustentável de Aviação (SAF), que será produzido na primeira biorrefinaria do País em construção na Zona Franca de Manaus, com inauguração prevista para 2026.

A companhia inaugurou no último ano a primeira usina termelétrica híbrida em Roraima, movida à biomassa e óleo vegetal. O projeto representa muito para o legado sustentável que a empresa vem construindo no Estado.

Governança Corporativa

O Grupo BBF avançou na agenda de Governança Corporativa, iniciando a implantação do projeto SAP em suas operações, que permite uma gestão de ponta a ponta nas unidades de negócios, fortalecendo a governança e a inteligência tecnológica em toda a cadeia de atuação. Além disso, a companhia possui mais de R$ 2,2 bilhões investidos em ativos na região amazônica. As operações do Grupo BBF estão situadas nos estados do Acre, Amazonas, Rondônia, Roraima e Pará.

Última atualização da matéria foi há 11 meses


Compartilhe este conteúdo com seus amigos. Desde já obrigado!

Facebook Comments

Espaço Publicitário:
* * * * * * * * * *
Voltar ao Topo
Skip to content
Verified by MonsterInsights