Biometria de voz pode ser aliada do Open Finance

Apresentado ao mercado como uma evolução do Open Banking, o Open Finance está dando o que falar. O Sistema Financeiro Aberto é caracterizado pelo compartilhamento de dados entre instituições financeiras autorizadas pelo Banco Central, estando sujeitas à punição e multas em caso de descumprimento das regras estabelecidas. Como toda novidade, essa modalidade ainda causa certo estranhamento, principalmente quando se trata de segurança.

De acordo com Marcelo Peixoto, CEO da Minds Digital, IDTech especializada em biometria de voz para prevenção à fraudes, o Open Finance é sim seguro e chega para ajudar os brasileiros na solicitação de crédito, além de oferecer melhores condições na escolha de produtos e serviços financeiros. Por outro lado, investir em segurança nunca é demais, e é dessa forma que empresas como a Minds surgem como grandes aliadas das instituições financeiras.

Tanto o envio, quanto o recebimento de informações, serão protegidos pela Lei de Sigilo Bancário. Na prática, o banco com o qual o usuário compartilha seus dados também é responsável por garantir o sigilo das informações vindas de qualquer instituição financeira. Junto a isso, há ainda a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), que dará maior autonomia ao cliente, tendo em vista que nada poderá ser compartilhado sem a sua autorização, que será específica para cada caso e com duração de até 12 meses. “O Open Finance vai abrir um marketplace bem maior de produtos financeiros e com isso é preciso ter mais segurança agregada. E é aí que entra a solução de autenticação por voz, para todo mundo se sentir mais confortável e seguro na hora de solicitar esses serviços”, explica Peixoto.

Por meio da inteligência artificial, a IDTech realiza um processo de biometria para autenticar o usuário através da voz. Para garantir a identificação, a plataforma é integrada ao call center das instituições, e as ligações recebidas são repassadas para o API da Minds e para o sistema de gestão de clientes da empresa que utiliza o serviço de biometria. Em até 3 segundos, a voz é validada e os resultados são apresentados em tempo real para o atendente do call center. Além da análise biométrica, é realizado um mapeamento de comportamentos suspeitos que, ao serem identificados, são reportados ao time de prevenção à fraude, para que ele possa analisar quais medidas adotar.

Além de evitar prejuízos com fraudes, como perdas financeiras e chargebacks, a solução também colabora com a redução do tempo no atendimento ao cliente em até 35%, melhorando a experiência dos clientes que não vão precisar passar tanto tempo confirmando suas identidades. “Nosso objetivo é oferecer produtos cada vez melhores para a sociedade. Para isso, utilizamos uma inteligência artificial personalizada e que passa por constantes otimizações, sempre visando melhorar a experiência das pessoas com segurança e confiança”, finaliza o CEO da Minds Digital.

Sobre a Minds Digital:

Liderados por profissionais com uma grande bagagem no mercado, a Minds Digital é uma empresa especializada em biometria de voz. Conta com uma equipe composta por engenheiros de software, cientistas de dados, especialistas em marketing, analistas de negócios e gerentes de projetos. Com sede em São Paulo, a Minds Digital possui escritório em Belo Horizonte e atua tanto no Brasil quanto nos EUA. É uma empresa com soluções em nuvem, o que traz muito mais segurança e velocidade aos negócios. Além disso, está em conformidade com todas as regras exigidas pela LGPD por um preço competitivo em reais.

*Com participação da jornalista Ivan Netto.

Compartilhar:
Voltar ao Topo
Skip to content