Caroline Souza: “Valorizamos muito a adaptação rápida”

 Caroline Souza

O resgate de valores de impostos pagos indevidamente e a migração para um regime tributário mais justo estão entre as alternativas para que as empresas se fortaleçam financeiramente e enfrentem a crise econômica. Foi justamente apresentando saídas neste sentido que a AiTax expandiu sua atuação durante a pandemia de Covid-19. A trajetória da marca demonstra esse crescimento. Conforme explica a CEO da empresa, Caroline Souza. A AiTax surge como denominação de uma das diversas soluções em tecnologia da informação (TI) desenvolvidas pela accountech ROIT – no caso, uma solução em gestão tributária. Desde o ano passado, a AiTax foi constituída como uma consultoria integrante do Grupo ROIT, que tem sede em Curitiba (PR). O foco é a consultoria, o planejamento tributário e a revisão fiscal. O trabalho é baseado em robotização (robotic process automation) e Inteligência Artificial – e a tecnologia viabiliza a análise de 1,8 bilhão (isso mesmo, bilhão) de cenários, para que se identifique o mais adequado para cada empresa. Em seguida entra a inteligência humana, com tributaristas e contadores experientes, sublinha Caroline Souza. “Uma equipe multidisciplinar, a partir das possibilidades apontadas pela tecnologia, levanta cenários, sugere as oportunidades e, conjuntamente com a empresa, opta pelo melhor caminho”, afirma a executiva.

Caroline, por que a AiTax é tão importante em tempos tão complexos?

Estar seguro com os números fiscais e contábeis, seguro com a melhor opção de regime tributário nunca foram tão importantes. Garantir uma carga tributária justa pode ser o diferencial para sobreviver à crise que está instaurada no país.

Qual o ponto mais interessante que faz com que as empresas se fortaleçam financeiramente e enfrentem a crise econômica?

Saber ao certo quanto paga de tributos, fazer as melhores escolhas quanto ao regime tributário, e usar os melhores recursos de incentivos cabíveis, e assim ter uma precificação de produtos e serviços condizente com o mercado e a concorrência.

O que essa crise tem diferente de outras (na parte econômica) em sua visão?

A crise está se alongando, porque ninguém esperava ficar tanto tempo afastado das rotinas normais, isso afeta drasticamente a economia das empresas. Muitas não estavam preparadas com reserva de caixa ou um plano de ação para falta de dinheiro.

Quais os principais pilares da AiTax?

Usamos inteligência humana nos trabalhos, através de contadores, advogados, consultores da área tributária, combinado com o uso da Inteligência Artificial para:

Revisão fiscal e contábil, dos últimos 5 anos; recuperação de tributos pagos indevidamente, em espécie, ou em forma de compensação; planejamento tributário; estudos sobre operações específicas; cálculos de teses judiciais, e outros específicos.

São esses pilares que dão o norte para a atuação da empresa?

Sim, claro que é apenas um resumo do nosso trabalho, mas já dá para ter uma ideia do nosso core business.

Qual a importância de ter uma equipe multidisciplinar num negócio como o seu?

É de suma importância ter profissionais multidisciplinares, não só pelo fato de termos umas das legislações tributárias mais complexas do mundo, mas também pelo fato de existir bastante tecnologia envolvida em nosso dia a dia. Valorizamos muito a adaptação rápida, e o conhecimento diversificado.

Os empresários estão desatentos no que diz respeito ao Planejamento Tributário?

Sim, temos percebido a despreocupação com o tema por parte das empresas. Poucas estão realmente preparadas, com nível de compliance mínimo para absorver uma mudança tributária.

Num Planejamento Tributário errôneo, impostos podem ser pagos indevidamente?

Sim, inclusive isso é o que mais acontece. Por total desconhecimento de leis específicas, incentivos tributários, ou até mesmo por conta de erros básicos como a escolha da alíquota do produto, ou serviço, os empresários acabam pagando mais do que deveriam ao fisco.

Como a AiTax consegue fazer a identificação para os seus clientes?

Através das revisões fiscais e contábeis dos últimos 5 anos, com uso de robotização no processo, e análise por parte dos consultores tributários, é possível identificar tributos pagos indevidamente. Além da identificação, promovemos com a recuperação dos tributos, elaborando todos os processos necessários junto ao Governo. A recuperação pode ocorrer em forma de compensação com outros tributos, ou solicitamos que a Receita Federal deposite o dinheiro em conta corrente da empresa, costuma demorar um pouco mais, porém, é o caminho mais seguro.

Essa situação é frequente?

Sim. Bastante comum empresas pagarem tributos mais do que devem. Com base nas últimas revisões realizadas, a cada 10 empresas, 7 possuem algum tributo passível de recuperação.

Isso seria um dos principais fatores para o aumento da competitividade de um negócio?

Com certeza, ter uma carga tributária justa é uma questão de sobrevivência no mundo dos negócios.

Compartilhar:
Voltar ao Topo
Skip to content