Charlie Conner: “Descobrimos a insatisfação com ferramentas existentes”

 Charlie Conner

O setor de mobilidade passou por uma transformação significativa nos últimos anos, porém, existia uma área específica que ainda sofria pela falta de inovação: a dos caminhoneiros. Desde 2019, quando surgiu, o TMOV vem impactando o setor com uma plataforma digital que conecta motoristas a cargas de todo o País e que digitaliza toda a sua jornada – do cadastro, gerenciamento de risco, emissão de documentos, recebimento de fretes, seguros até o pós-viagem. Agora, a startup acaba de ampliar sua atuação: outras transportadoras também poderão digitalizar os seus serviços utilizando o TMOV Marketplace.

Essa nova frente do negócio é inaugurada com uma parceria com a Rodovico, transportadora focada no segmento agro e que espera aumentar em 40% sua operação com a solução.

Segundo João Oliveira, Chief Product Officer da TMOV, as transportadoras que aderirem ao marketplace passam a ter acesso a uma das maiores bases engajadas de caminhoneiros e poderão oferecer todos os benefícios que o TMOV disponibiliza para caminhoneiros, incluindo cashback, o que aumenta a receita das transportadoras.

“Diferente de outros players do mercado que são apenas um painel de cargas e tudo fica em função da transportadora, com o TMOV ofertamos uma jornada digital completa com cadastro online, gerenciamento de risco, seguros, meio de pagamento, plataforma de captação, plataforma de gestão de carga e uma plataforma de analytics integrada”, diz.

Ele ainda afirma: “Além disso, é uma oportunidade da transportadora ampliar a base de motoristas, pois passam a ter acesso à nossa base que hoje tem mais 210 mil caminhoneiros cadastrados. Damos a eles capacidade de crescer volume e faturamento de maneira muito mais rápida e mais eficiente”, ressalta João.

O CEO da empresa, Charlie Conner, destaca que, desde o início, a ideia do TMOV foi de abrir o caminho digital para um futuro melhor aos caminhoneiros.

“A Sotran, uma das líderes em transporte rodoviário, foi um grande laboratório para aprendermos a aperfeiçoar a jornada digital. Comprovamos que com TMOV uma transportadora pode ser pelo menos de três a cinco vezes mais eficiente e engajar muito mais o caminhoneiro. Em paralelo, tivemos várias conversas com transportadoras onde descobrimos a insatisfação com ferramentas existentes no mercado que no final não as ajudam a aumentar a eficiência ou receita. Com isso, vimos uma grande oportunidade que estamos começando explorar”, destaca Conner.

A operação da TMOV com a Rodovico se concentrará no Sul do país, onde a transportadora opera hoje.

Mas, segundo Diego Nazari Reis, Diretor de Negócios e Desenvolvimento da Rodovico, à medida que a solução for implementada e os resultados vierem, nada impedirá de expandir a atuação por todo o Brasil.

“Hoje, nosso maior desafio é tirar a operação do offline. Como somos uma empresa com foco na terceirização de motoristas, tínhamos que buscar esses profissionais em ligações por telefone ou em plataformas que não entregavam o processo completo. Com TMOV vimos que conseguiríamos trazer mais eficiência operacional, pois tudo ficaria concentrado em uma só plataforma otimizando nossa gestão. Outros players chegaram a nos oferecer outras soluções, mas no fim do dia nunca ajudou.”

“Com TMOV, temos a ferramenta certa e um time que nos ajuda em processos, cultura e gestão também”, comenta Reis.

Sobre a TMOV

TMOV é uma logtech líder no setor de transporte rodoviário de cargas.

Atualmente, já é o principal marketplace de oferta e demanda de cargas para o agronegócio no Brasil.

Esse modelo gera benefícios tanto aos caminhoneiros, transportadoras e frotistas, quanto às grandes empresas que fazem parte do seu portfólio de clientes, como Gavilon, Nova Agri, ECTP e JBS em uma solução de transporte “one stop shop”.

O aplicativo soma mais de 150 mil downloads, cerca de 100 mil usuários mensalmente ativos e mais de 75 mil contas no TMOV Pay, cartão com bandeira VISA em que os caminhoneiros recebem pelos seus fretes, obtêm desconto no preço do diesel e ainda podem pagar contas e fazer compras.

A plataforma transformou toda a cadeia logística do agro com soluções que visam abrir um caminho digital para um futuro melhor dos caminhoneiros.

*Com participação da jornalista Adriana Veronez.

Compartilhar:
Voltar ao Topo
Skip to content