Sua Página
Fullscreen

Inovação e Arte em Congresso Internacional

Compartilhe este conteúdo com seus amigos. Desde já obrigado!

Gustavo Perino e Anauene Soares estão trazendo para São Paulo um evento pioneiro e que marcará o intenso ano de 2023: a primeira edição do III ICAE – Art Law – International Conference Artwork Expertise and Art Law (Congresso Internacional de Perícia e Direito da Arte). Este congresso é uma plataforma única que permite a exploração de diversos aspectos relacionados à arte, incluindo ciência, técnicas de autenticação, proteção do patrimônio cultural e o mercado de arte. O próprio fundador, Gustavo Perino, descreve o ICAE como um evento que “permite conhecer o ciclo de vida de uma obra de arte desde o seu registro, identificação, comercialização, trâmites legais e utilização como ativo financeiro”.

O ICAE é um congresso especializado que se concentra em questões de autenticação, direito e colecionismo, envolvendo algumas das maiores autoridades internacionais nas áreas de perícia em arte, direito da arte e colecionismo. Seus principais objetivos incluem promover a atualização e a integração de especialistas em arte, advogados e profissionais relacionados, bem como estimular a discussão sobre a Due Diligence internacional e sua aplicação no Brasil. Além disso, o ICAE visa desenvolver novas diretrizes e regulamentos para o exercício profissional no campo das obras de arte e bens culturais, enquanto também promove a transparência no mercado de arte e incentiva o colecionismo.

O fundador, Gustavo Perino, concentrou sua carreira nos últimos sete anos na área de perícia em obras de arte. Em 2016, ele concebeu e criou o ICAE, realizando sua primeira edição em Buenos Aires, Argentina. No ano seguinte, em 2017, a Givoa Art Consulting, empresa de Perino, iniciou suas atividades no Brasil. A segunda edição do congresso aconteceu em 2018, na cidade do Rio de Janeiro. Agora, o III ICAE conta com uma parceria estratégica com a Anauene Art Law, cuja diretora, Anauene Dias Soares, traz sua vasta experiência na área de questões legais relacionadas a negociações envolvendo arte. Esta edição do ICAE em São Paulo oferece uma oportunidade única de interação entre profissionais e especialistas de diversas áreas que compõem o complexo sistema da arte, possibilitando a troca de ideias e inovações bilaterais.

O congresso aborda tópicos relevantes no mundo da arte por meio de diversos painéis, incluindo “Autenticação de Arte”, que reúne especialistas e cientistas da Espanha, Argentina e Brasil, “Direito da Arte (Art Law)”, que aborda aspectos jurídicos relacionados a obras de arte com especialistas de países mencionados, além da França, e “Mercado da Arte e Colecionismo”, que discute os desafios do setor e como a due diligence pode ser usada para orientar negociações de obras de arte. Além disso, são abordados temas como valor de bens públicos, tráfico ilícito, contratos, uso de imagem e muito mais.

O ICAE é uma experiência única que visa fornecer informações e esclarecimentos, muitas vezes desconhecidos para o público em geral, por meio de casos práticos e exemplos que ilustram os conceitos discutidos durante o evento. A perícia em obras de arte, por exemplo, envolve um conjunto de métodos e habilidades que permitem determinar se uma obra é autêntica ou não. Além disso, busca-se determinar o seu valor de mercado, o que envolve a aplicação de várias técnicas e métodos científicos para verificar sua autenticidade em relação à obra do artista.

Leia ou ouça também:  O cinema nacional do expoente Silvio Tendler

O ICAE também aborda as questões de autenticidade, que são fundamentais no mundo da arte. A autenticidade envolve a noção do “autêntico”, tanto em seu sentido etimológico, referindo-se à qualidade de algo que é reconhecível e confiável, quanto em seu sentido subjetivo, como uma representação única que se manifesta em várias formas, sejam materiais ou humanas.

Além disso, o ICAE explora duas outras áreas importantes no mundo da arte: o colecionismo e o mercado de arte. O Mercado de Arte é onde ocorrem as transações envolvendo obras de arte, com compradores, vendedores e as próprias obras. O colecionismo, por sua vez, é o processo de adquirir e possuir ativamente objetos de valor que fazem parte de um conjunto de itens não idênticos e que não são utilizados de maneira convencional. O colecionismo de obras de arte pode representar não apenas uma paixão, mas também um investimento que contribui para a preservação cultural.

Finalmente, o Direito da Arte (Art Law) é uma área multidisciplinar que abrange várias questões legais relacionadas à arte, incluindo direitos autorais, marcas registradas, contratos, vendas, impostos e museus. Essas normas jurídicas se aplicam a indivíduos que criam, compram, vendem, roubam ou destroem obras de arte e propriedade cultural, bem como a instituições, organizações e prestadores de serviços envolvidos no mundo da arte.

O ICAE tem uma agenda repleta de atividades que cobrem o ciclo de vida completo de uma obra de arte, desde o seu registro e autenticação até a formação de coleções. Os painéis do evento contam com a participação de especialistas de renome internacional, tornando o ICAE um ambiente ideal para a troca de conhecimentos e experiências entre profissionais e entusiastas da arte.

Este evento é uma oportunidade rara para aprimorar o entendimento e a apreciação do mundo da arte, proporcionando informações valiosas e insights sobre autenticação, direito e colecionismo. O ICAE contribui para a transparência e a integridade do mercado de arte, garantindo que os amantes da arte e os profissionais envolvidos possam desfrutar de um ambiente mais seguro e confiável para suas transações e atividades relacionadas à arte. Não perca a chance de participar deste evento inovador que oferece uma visão abrangente do fascinante mundo da arte e seu entrelaçamento com a ciência, a técnica e o direito.

Última atualização da matéria foi há 4 meses


Compartilhe este conteúdo com seus amigos. Desde já obrigado!

Facebook Comments

Espaço Publicitário:
* * * * * * * * * *
Voltar ao Topo
Skip to content