Michel Dayan: “Sem inovação o produto perde o brilho”

CEO da VRASALON

Fundada em 1968, a VRASALON é uma empresa focada em produzir moda divertida e confortável de alta qualidade para o público infantil. Atende todo o Brasil, com seus produtos para meninas e meninos de 0 a 16 anos. Há 52 anos a VRASALON não mede esforços no desenvolvimento de produtos inovadores, de acordo com as últimas tendências da moda internacional para atender seu público-alvo com o melhor custo benefício e entregando o melhor produto do mercado. Com sede em São Paulo, a VRASALON mantém sua equipe de vendas presente nas principais cidades do Brasil. A empresa tem compromisso com a qualidade: equipe especializada e experiente trabalhando no desenvolvimento de cada nova coleção. Assim, consegue garantir, há mais de 50 anos, um alto índice de satisfação por parte dos consumidores, revendedores e parceiros. “Procuramos ler sobre temas diversos, e escutar todos a nossa volta, desde estilistas, consumidores, colaboradores, para estar sempre atualizando nossas ações. Muitas das novidades que vemos hoje no Brasil, já passaram antes pela Europa, Estados Unidos e Ásia. Procuramos nos antecipar a chegada de novas tendências com o intuito de acelerar a adaptação. ‘’Nada é permanente exceto as mudanças’’, como já dizia Heráclito de Éfeso. Adaptar-se às mudanças é uma necessidade e uma virtude”, afirma o CEO da marca de moda infantil, Michel Dayan.

Michel, como surgiu a marca VRASALON?

A marca VRASALON surgiu no ano de 1968, do sonho dos três fundadores: meu avô Salim e seus filhos, Isaac e Avraham, que iniciaram as atividades em um prédio alugado na região do Brás. Hoje a VRASALON tem como sócios o Sr. Avraham e seus dois filhos, Salo e no caso eu Michel.

De onde vem a palavra que dá nome a marca?

O nome VRASALON deriva da união de partes dos nomes dos fundadores, ou seja, VRA de Avraham, e SA de Isaac, além das letras LON que eram comuns em muitas das empresas têxteis europeias na época.

A empresa foi fundada em 1968. Qual o grande diferencial que fez a marca estar há tantos anos nesse mercado?

Criatividade, solidez e respeito ao consumidor são valores que permeiam nosso ambiente vinte e quatro horas por dia. Viajamos para todos os cantos do mundo em busca de ideias e inspirações para inovarmos e melhorarmos a cada ano. Todas as decisões, tanto financeiras como comerciais, são tomadas em conjunto, mas sempre com respeito aos mais experientes. Tudo isso contribui para estarmos há mais de 50 anos no mercado infantil.

Como esse mercado se encontra na atual conjuntura?

O mercado têxtil é conhecido por ser sempre o primeiro a entrar em crise, e o último a sair. Isso ocorre por diversas razões. Sabe-se que temos que ter o produto certo, no momento certo e com preço certo. Com base nessas informações, vou explicar brevemente o mercado têxtil infantil. A nossa venda ocorre quando o lojista não precisa da mercadoria, em seguida produzimos e entregamos quando o consumidor ainda não está procurando o produto. Com todo o processo de venda, produção e entrega concluído, entra em seguida o fator tempo, que não está em nossas mãos. Se um desses fatores não estiver perfeito, todo o processo é comprometido.

A pandemia afetou a marca em algum ponto?

A pandemia, assim como todas as crises, fez com que o mundo acelerasse em vários sentidos. No nosso caso, fez com que a VRASALON se reinventasse, e criamos assim novas linhas de produtos, como bodies de bebê, mochilas, ampliamos a linha de pijamas, e ainda lançamos nosso e-commerce, pois, entendemos que o consumidor do futuro deverá elevar a venda a distância de têxteis dos atuais 5% chegando a pelo menos 15% nos próximos anos. Esses consumidores são muito mais digitais do que imaginávamos anos atrás, e temos que nos adaptar a isso.

Quais os maiores desafios desse setor?

Costumamos dizer que esse ramo é para loucos. Não existe chance de dar certo nesse setor se você não gosta do que faz. Se trabalhar for um peso para você, procure outra coisa para fazer. Acredito que os próximos anos irão exigir cada vez mais uma convergência de tendências locais com realidades virtuais. O mundo real e virtual serão cada vez mais parte de um mesmo plano de consumo, o que deve diminuir ainda mais a distância entre diferentes nações. Entender essa mudança será um grande desafio para o setor têxtil infantil.

Outra coisa interessante que você já falou foi sobre adaptação. Como a VRASALON tem se adaptado aos novos tempos?

Procuramos ler sobre temas diversos, e escutar todos a nossa volta, desde estilistas, consumidores, colaboradores, para estar sempre atualizando nossas ações. Muitas das novidades que vemos hoje no Brasil, já passaram antes pela Europa, Estados Unidos e Ásia. Procuramos nos antecipar a chegada de novas tendências com o intuito de acelerar a adaptação. ‘’Nada é permanente exceto as mudanças’’, como já dizia Heráclito de Éfeso. Adaptar-se às mudanças é uma necessidade e uma virtude.

A aceleração digital também alcançou a marca em algum sentido?

Sem dúvida, o mundo virtual cada vez mais próximo de todos fez com que nossa coleção fosse lançada digitalmente, além dos catálogos físicos. Os novos canais de comunicação com o público também vieram pela necessidade de estar mais perto dos novos consumidores.

Como acontece o desenvolvimento de cada coleção?

O desenvolvimento de uma coleção se inicia um ano antes. Com a identificação de tendências de consumo e comportamento, delineamos nosso escopo, e iniciamos as diretrizes e objetivos da coleção. Nasce então a ideia e inspiração da nova coleção. A partir de então começamos a pesquisar cores, tecidos, moldes, acabamentos, e uma equipe super especializada no universo infantil, inclusive com acompanhamento de uma psicopedagoga, começa o desenvolvimento de peças piloto. Com as peças piloto aprovadas, damos início à produção do mostruário, que é distribuído aos mais de cinquenta representantes em todo Brasil.

A inovação faz parte desse desenvolvimento?

A inovação deve e faz parte do desenvolvimento de cada nova coleção da VRASALON. Sem inovação o produto perde o brilho e você vira apenas mais uma roupa esquecida no armário.

Quais os planos da marca para o ano vigente?

Para o ano de 2021 a VRASALON tem planos de crescer 6,5%, mas isso ainda vai depender de fatores externos tais como o andamento da vacinação da população brasileira. Torcemos para que o mundo saia mais forte dessa pandemia, e que todos tenhamos mais clareza do mundo que desejamos para nossos filhos.

Compartilhar:
Voltar ao Topo
Skip to content