Monique Abrantes: “Estamos escrevendo a nossa história”

D.A. Gastronomia

Pensando em soluções práticas para quem deseja fazer uma pequena reunião em suas casas de forma segura, a gerente de marketing da grife de buffet D.A. Gastronomia, Monique Abrantes, apresenta uma diferente opção em seus serviços: É a Fast Food Machine. Parecida com as já conhecidas maquininhas de refrigerantes, porém, recheadas de sabor. Imagine poder ter em casa algo que, com um simples aperto de botão, você tem comidinhas, como: hambúrgueres, batatinhas fritas, coxinhas, crocante de queijo coalho, hot Philadelphia, camarão panko e até pirâmide de nutella. Segurança, praticidade e diversão em família, garantida. A alternativa é uma novidade inovadora para quem planeja fazer uma pequena reunião entre familiares e amigos, apresentando aos convidados uma experiência divertida e segura. A ‘Fast Food Machine’ é um serviço diferente que pode estar no conforto de sua casa. Além de dar um ar descontraído ao ambiente, a máquina é uma opção atrativa que facilita a rotina de qualquer reunião, além de entreter. Lançada no ano de 2019, Monique, conta que em todo lugar que a Fast Food Machine é contratada, faz sucesso entre crianças e adultos, que amam a ideia de com um simples toque, escolher sua comidinha, que cai da máquina, embalada individualmente. Uma forma de diminuir o contato entre mãos, oferecendo higiene e segurança. “Os feedbacks são essenciais. São os ajustes de rota”, afirma.

Monique, o que molda a sua visão como empresária?

A minha visão como empresária é basicamente ser útil para a sociedade de todas as formas, gerando oportunidade de emprego e renda, atendendo às necessidades de produtos e serviços dos clientes e criando soluções que eles ainda não conhecem para promover novas experiências.

Essa visão é essencial para atravessar momentos complexos como o que estamos inseridos?

Essa visão de estar sempre à frente do tempo é essencial para construir o futuro. Nossas ações precisam acontecer no agora, mas o foco no que desejamos atingir é o que norteia nossas atitudes. Especialmente nesse momento que estamos vivendo precisamos agir de forma ampla e enxergar o mundo de possibilidades que não existiam e que precisam ser criadas para o “novo normal”.

Foi nesse ecossistema que surgiu a ideia da Fast Food Machine?

A Fast Food Machine foi lançada no ano passado com a proposta de oferecer algo além da comida. Uma experiência e diversão que estivesse no contexto da festa. Por isso a proposta dos itens da Fast Food Machine inicialmente era de comidinhas mais confortáveis e fáceis de agradar. O objetivo era oferecer praticidade, conforto e diversão para as horas extras da festa. Essa inovação foi baseada na nossa experiência de análise de comportamento dos convidados nas horas finais… e mais uma vez vale dizer que foi extremamente inovadora e impactante e quando apresentamos muitas pessoas pensaram: “poxa porque não fizemos isso antes?” e aí entra a questão de estar antenado e perceber o que está por vir mas também agir e providenciar novas maneiras de fazer e de trabalho.

Por que ela é ideal para o chamado “Novo Normal?”.

Em 2019 ela era tendência de comportamento em que já estávamos observando o interesse das pessoas em praticidade, experiência e diversão. No novo normal ela se apresenta como a solução ideal para a retomada dos eventos, pois, além de trazer essa experiência e diversão que as pessoas estão tão carentes também traz a segurança dos lanches serem embalados individualmente e as pessoas só tem contato com a caixinha que fizerem o pedido ao digitar na máquina. O totem de álcool gel fica ao lado para higienizar as mãos antes de comer. Além disso, como na máquina cabem 80 lanches diminui a necessidade de garçons circulando para servir essa comida. Uma opção prática, divertida e segura para a retomada dos eventos.

Quais são as principais inovações trazidas pela Fast Food Machine?

Basicamente aliar os princípios de comida gostosa, diversão e praticidade.

Hoje estamos vivendo num mundo onde as experiências são o centro dos negócios. Quais experiências são trazidas pela máquina?

As pessoas curtem escolher seus lanches, montar os combos, filmar a caixinha caindo, mostrar suas escolhas e liberdade.

Quais são os pilares da D.A. Gastronomia?

A D.A. Gastronomia sempre foi conhecida como um buffet diferenciado pela sua característica de inovação em todos os níveis, seja na criação dos cardápios, nos nomes, nas louças isso faz parte da identidade da marca.

Como esses pilares influenciaram na criação da Fast Food Machine?

Estamos no século XXI não podemos nos esquecer disso. Cada vez mais nossa linguagem e interação vai estar aliada de alguma maneira à tecnologia e é preciso que mesmo um serviço de gastronomia que é essencialmente realizado por pessoas e que também valorize o lado humano que coloca energia no alimento também tem que “conversar” com os novos hábitos de comportamento dos consumidores do século XXI. Estamos escrevendo a nossa história.

Qualidade e sofisticação são essenciais num negócio como esse?

Sim. Tanto a gastronomia como qualquer projeto inovador precisa estar focado na qualidade e no melhor que pode ser feito para apresentar ao cliente. No meu ponto de vista, se não segue esses critérios não tem sentido oferecer para a sociedade.

Como os feedbacks refinam um negócio como o seu?

Os feedbacks são essenciais. São os ajustes de rota. Sabemos onde nós queremos chegar, mas muitas vezes mudamos um pouco o caminho que tínhamos planejado percorrer para ajustar algumas questões apontadas pelo feedback de parceiros e de clientes que realmente sejam o nosso público alvo. É preciso dizer também que muitas vezes feedbacks de pessoas que não são o nosso “avatar” de clientes, muitas vezes não nos fazem mudar a rota, pois, às vezes são pessoas que ainda não compreenderam onde queremos chegar.

O que vislumbra para o mercado de eventos no pós-Covid?

Uma retomada de eventos muito pautada na segurança de fornecedores e convidados seguindo as regras de distanciamento social. Pessoas mais conscientes e eventos mais tranquilos. De um certo ponto de vista vejo de uma forma muito positiva tudo o que está acontecendo para gerar mais responsabilidade e compromisso com o trabalho.

Compartilhar:
Voltar ao Topo
Skip to content