Nicolas Scridelli: “Continuaremos firmes em nossa missão”

Nicolas Scridelli

Formado em Engenharia Agronômica pela ESALQ/USP e com curso de Business Fundamentals pela Harvard Business School, Nicolas Scridelli assumiu uma dupla função em um momento de forte expansão. Criado em 2016, em Porto Alegre, o Triider foi adquirido em setembro de 2020 pela Juntos Somos Mais. Em junho de 2021, a empresa comprou a operação brasileira da espanhola Habitissimo. Com a junção das empresas, a Juntos Somos Mais passa a ter em seu ecossistema a maior plataforma de serviços do setor da construção no país e que atualmente conta com mais de 90 mil varejistas e mais de 1,2 milhões de membros, sejam lojistas ou profissionais de obra. O Triider é uma plataforma de serviços gerais que oferece mais de 50 opções de reparos de casa e do Habitissimo, empresa de origem espanhola que atua com reparos de grande porte. “O Triider tem como objetivo digitalizar as relações do prestador de serviços de um setor que tradicionalmente é muito analógico. Transformar um serviço que normalmente é solicitado e negociado pessoalmente para o mundo digital sempre foi um dos maiores desafios. Os profissionais do setor da construção estão migrando para o mundo da tecnologia agora então é nosso papel ajudá-los a aprender esse novo mundo. Os clientes estão acostumados a confiar em prestadores por indicações de pessoas próximas ou por conversas pessoais com os profissionais”, afirma o CEO da empresa.

Nicolas, quais os maiores desafios que o Triider encontrou desde a sua fundação?

O Triider tem como objetivo digitalizar as relações do prestador de serviços de um setor que tradicionalmente é muito analógico. Transformar um serviço que normalmente é solicitado e negociado pessoalmente para o mundo digital sempre foi um dos maiores desafios. Os profissionais do setor da construção estão migrando para o mundo da tecnologia agora então é nosso papel ajudá-los a aprender esse novo mundo. Os clientes estão acostumados a confiar em prestadores por indicações de pessoas próximas ou por conversas pessoais com os profissionais. O desafio do Triider foi construir uma trilha de autoridade para receber esta confiança dos clientes.

Como essas dificuldades foram se transformando em alicerce com o passar do tempo?

Diante desse cenário desafiador, o Triider sempre esteve muito próximo dos profissionais e dos clientes, ouvindo suas necessidades, adaptando o produto para gerar a melhor experiência e construindo essa evolução da digitalização em conjunto com eles. Essa proximidade e boa experiência dos usuários fez com que a marca ganhasse a confiança dos clientes e dos profissionais.

Quais os pilares da plataforma?

O Triider é uma empresa que surgiu com a missão de ajudar pessoas a realizarem seus projetos e resolverem seus problemas. Acreditamos que contratar serviços de profissionais especializados nas mais distintas áreas de conhecimento deva ser definitivamente um processo descomplicado, ágil, amigável e seguro. Trabalhamos todos os dias para levar essa realidade para um maior número de usuários. Pensamos nas pessoas antes de tudo. Queremos contribuir de verdade para que todos tenham mais conforto e sejam mais felizes.

O app é muito bem avaliado. Por que você acredita que as pessoas olham para o Triider como um serviço essencial?

O app sempre teve notas próximas das máximas, pois, sempre pensamos nas pessoas antes de tudo. A experiência dos usuários é algo importantíssimo para nós e por isso estamos sempre muito abertos a ouvi-los e aplicar as melhorias necessárias no produto e na operação. Acredito que o Triider é visto como um serviço essencial, pois, hoje em dia as pessoas buscam segurança, confiança e agilidade para a contratação de serviços e hoje entregamos isso para elas.

Como é feita a triagem dos profissionais que estarão disponíveis no site/app do Triider para realização dos trabalhos?

Os profissionais fazem um pré-cadastro no site ou app e, conforme demanda das categorias, abrimos novas oportunidades para que os profissionais possam oferecer seus serviços na plataforma. Após isso, todos passam por etapas de verificação de documentos, referências de trabalhos antigos e também uma sessão informativa do Triider sobre o funcionamento do negócio e boas práticas de atendimento. Assim garantimos o oferecimento de profissionais especialistas na prestação dos serviços, com mais segurança ao cliente ao levar um profissional até a casa dele com a qualidade no atendimento esperados pelo Triider.

A empresa teve perdas com a chegada da pandemia?

No início da pandemia quando ninguém sabia muito bem o que estava acontecendo e o que estava por vir logicamente tivemos quedas bruscas na demanda, porém, com os clientes ficando mais em casa e percebendo melhorias a serem executadas ou mesmo desengavetando ideias e projetos, nossa demanda voltou mais forte. Tivemos um trabalho muito forte para garantir que os profissionais pudessem voltar a executar os serviços com todas as medidas de segurança e isso ajudou os clientes a nos escolherem como plataforma de serviço para entrar em suas casas.

O negócio teve que se reinventar no período?

Nosso negócio é digital desde sua origem então estávamos mais que preparados para esse momento. Nossos times já tinham facilidade em trabalhar remotamente por termos rotinas focadas em resultado, entregas e menos por horários de trabalho no escritório. Do lado dos prestadores de serviço tivemos preparações de segurança para essa retomada e pudemos ver uma boa receptividade dos clientes por priorizar as plataformas do que métodos tradicionais de encontrar um profissional.

Quais serviços foram os mais procurados durante esse momento conturbado?

Desde março do ano passado até outubro deste ano, os serviços mais procurados são de eletricista, fretes e encanador. Podemos associar não só às pessoas estarem mais em casa e precisarem recorrer com maior frequência aos profissionais de manutenção, assim como o movimento de mudanças de residência que ocorre de forma mais intensa desde o começo da pandemia e o crescimento do trabalho remoto.

Quantos atendimentos já foram realizados pelo Triider ao longo de sua existência?

O Triider atua ao todo em 7 cidades do país (Porto Alegre, São Paulo, Curitiba, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Canoas e Florianópolis). De janeiro a outubro de 2021, as três cidades que tiveram mais pedidos foram: Porto Alegre, São Paulo e Curitiba. Em POA, o serviço mais contratado foi encanador com 15% dos pedidos. Já em SP, fretes foi o mais requisitado com cerca de um quarto da demanda e em Curitiba, marido de aluguel com 15% dos pedidos.

O que vislumbra para o setor de serviços no chamado pós-Covid?

A evolução do mercado digital foi catalisada pelo momento que passamos e o setor de serviços também surfou essa onda. A procura na internet por serviços aumentou muito e, além disso, muitos profissionais se abriram para o mundo dos serviços via plataforma. Espero que estes passos dados nestes últimos tempos possam acelerar ainda mais a digitalização do setor e com isso o aumento de soluções que os profissionais usam em seu dia a dia. Muitas oportunidades de negócio que planejamos para um momento que o mercado estivesse mais maduro estão cada vez mais próximas de virarem realidade.

Como espera que o Triider esteja no mesmo pós-Covid?

Continuaremos firmes em nossa missão de ajudar as pessoas a realizarem seus projetos e resolverem seus problemas. Estamos ainda mais fortes após a união ao ecossistema da Juntos Somos Mais e da aquisição da operação brasileira do Habitissimo. Estamos crescendo e sem dúvida iremos ajudar a acelerar as inovações dentro do setor.

Compartilhar:
Voltar ao Topo
Skip to content