Sergio Coutinho: “Meios para resolver desafios estão evoluindo”

 Sergio Coutinho

A Zasso, líder mundial em soluções de capina elétrica, acabar de anunciar que comercializou 100 equipamentos Electroherb™, incluindo 50 XPower™ na Europa e outras 50 soluções Thor e Tupã na América Latina. Atualmente as ferramentas da marca estão em operação em 16 países. Para celebrar o feito um novo site está no ar e a marca recebeu uma reformulação. Crescendo com a XPower™: A solução de capina elétrica XPower™ baseada em tratores, é indicada para agricultores, vinicultores e prestadores de serviços paisagísticos focados em uma transição responsável para práticas não químicas de mato competição.

Até o momento, três produtos XPower estão no mercado: o XPU para soluções urbanas, o XPS para vinhedos/pomares e o XP300 para aplicação em área de três metros de largura, culturas de cobertura, dessecação de batatas, zonas industriais e outras.

Os produtos XPower™ são vendidos exclusivamente através da plataforma de inovação da AGXTEND, uma marca de reposição da CNH Industrial e que traz ao mercado tecnologias inovadoras e disruptivas para o setor agrícola.

Ela comercializa as soluções de capina elétrica baseadas em tratores da Zasso sob o nome de produto XPower™.

“Estamos muito orgulhosos com a satisfação de nossos clientes com relação à eficiência, competitividade e segurança da solução XPower”, diz Karsten Vialon, chefe de gerenciamento de produtos da CNH Industrial na AGXTEND.

Desde o anúncio do investimento minoritário da CNH Industrial na Zasso, a empresa acelerou seus processos de desenvolvimento e triplicou sua capacidade de fabricação na Europa.

Benjamin Ergas, co-CEO da Zasso, fala do bom momento da marca.

“Beneficiando-se desta frutífera parceria, o crescimento é resultado do foco bem-sucedido na liderança tecnológica, forte apoio ao mercado, altos padrões de segurança e qualidade”, destaca. Além disso, comenta sobre os próximos passos.

“A inovação disruptiva é difícil. Mas ao mesmo tempo é extremamente gratificante ver uma expansão tão forte desde nosso lançamento comercial na Europa, há apenas dois anos. Além disso, estamos continuamente desenvolvendo e projetando novos equipamentos para outras soluções de aplicação onde também vemos grandes desafios de controle de ervas daninhas em potencial”, fala o executivo.

O crescimento da Zasso também trouxe jovens talentos e energia aos times da empresa. Para ajudar a multinacional a desenvolver um caminho mais estratégico foram feitas novas contratações no último ano.

Hoje atuam 80 funcionários entre Europa e Latam. “Os meios para resolver os grandes desafios da agricultura estão evoluindo claramente de uma tecnologia química para uma digital, eletrônica de potência e física. A Zasso tem orgulho de desempenhar um papel crescente rumo a um mundo livre de herbicidas”, diz Sergio Coutinho, co-CEO da Zasso.

Nova marca, novo website

Além disso, após muitos meses de trabalho duro e dedicação da equipe da Zasso, a empresa anuncia o lançamento de seu site atualizado www.zasso.com, agora disponível em cinco idiomas.

O objetivo principal durante o processo de redesenho foi criar um recurso mais valioso, centrado no usuário e responsivo em todas as plataformas e dispositivos.

A Zasso também reformulou seu logotipo com um novo esquema de cores em preto e branco.

Sobre a Zasso:

É uma empresa inovadora sediada na Suíça, especializada em soluções não químicas de gerenciamento de ervas daninhas utilizando eletrônica avançada de potência. Originalmente desenvolvida no Brasil, a tecnologia patenteada visa tanto os brotos quanto as raízes ainda mais críticas de plantas indesejáveis sistemicamente, empregando avançados métodos leves de alta tensão.

A solução é comercializada sob o nome de Electroherb™ ou XPower™. Seus aplicadores flexíveis e intercambiáveis permitem que o sistema seja utilizado em diversas superfícies e segmentos, incluindo agricultura, mercado consumidor e áreas urbanas.

No contexto da diminuição do número de métodos disponíveis para o controle de plantas ecologicamente corretas.

A missão da Zasso é desenvolver os módulos de controle e potência necessários que ajudarão a tornar o mundo livre de herbicidas, para um futuro melhor. Com escritórios em Zug (Suíça), Indaiatuba (Brasil), Aachen (Alemanha) e Paris (França), a Zasso se esforça para demonstrar liderança na tecnologia de controle elétrico de ervas daninhas em todos os mercados aos quais serve.

*Com participação da jornalista Kassiana Bonissoni.

Compartilhar:
Voltar ao Topo
Skip to content