Sua Página
Fullscreen

Vivid Entertainment: a gigante de Steven Hirsch

Compartilhe este conteúdo com seus amigos. Desde já obrigado!

Steven Hirsch é o fundador e CEO da Vivid Entertainment, uma das maiores produtoras de entretenimento adulto do mundo. Com mais de 35 anos de atuação no mercado, a empresa se consolidou como referência no setor, graças a uma estratégia de negócios agressiva e inovadora.

Hirsch iniciou sua carreira como distribuidor de filmes adultos na década de 1980, mas logo percebeu que poderia fazer mais do que simplesmente vender filmes. Em 1984, ele fundou a Vivid Entertainment, com o objetivo de criar conteúdo de alta qualidade, com estrelas reconhecidas e produções cinematográficas sofisticadas.

Desde o início, a Vivid adotou uma estratégia agressiva de marketing, investindo em publicidade em televisão, revistas e internet, além de patrocinar eventos e promover suas estrelas em programas de TV e rádio. Essa abordagem ajudou a consolidar a marca Vivid como uma referência no mercado, com produções como “The Pamela Anderson and Tommy Lee Sex Tape” e “Kim Kardashian, Superstar”.

Mas não foi apenas o marketing agressivo que fez da Vivid um sucesso. Hirsch sempre se preocupou em investir em tecnologia e inovação, com o objetivo de melhorar a qualidade dos vídeos e oferecer uma experiência mais imersiva para o público.

Em 2013, por exemplo, a empresa lançou o primeiro canal de televisão adulto em 3D, oferecendo uma experiência inédita para o público. Além disso, a Vivid foi uma das primeiras empresas a investir em streaming de vídeo, tornando seu conteúdo acessível em qualquer lugar do mundo.

Outro ponto forte da Vivid é a qualidade das produções. Hirsch sempre investiu em elenco de estrelas reconhecidas, como Jenna Jameson, Tera Patrick, Janine Lindemulder, Christy Canyon, entre outras, e em diretores de renome, como Michael Ninn e Paul Thomas. A empresa sempre se preocupou em investir em cenários, figurinos e roteiros sofisticados, o que garante um resultado final de alta qualidade.

Mas a Vivid também enfrentou seus desafios ao longo dos anos. Em 2009, por exemplo, a empresa foi alvo de uma ação judicial movida pela atriz porno Tera Patrick, que alegou ter sofrido abuso verbal e assédio sexual durante sua atuação na empresa. Embora a ação tenha sido resolvida extrajudicialmente, o caso chamou a atenção para as condições de trabalho no setor e colocou a Vivid em uma posição delicada.

Leia ou ouça também:  Brazzers: uma produtora erótica pela família

Outro desafio que a empresa enfrenta atualmente é a concorrência com sites de pornografia gratuitos. Embora a Vivid continue a produzir conteúdo de alta qualidade, muitos consumidores optam por acessar sites gratuitos, o que afeta diretamente os lucros da empresa.

Mas Hirsch não se deixa abalar pelos desafios. Ele continua a investir em tecnologia e inovação, atraindo um público cada vez mais jovem e exigente. Além disso, a Vivid tem explorado novos nichos de mercado, como a produção de filmes de realidade virtual e a venda de brinquedos sexuais.

Em suma, Steven Hirsch é um empreendedor visionário que soube criar uma marca forte e inovadora no mercado de entretenimento adulto. A Vivid Entertainment se destaca por sua estratégia agressiva de marketing, investimento em tecnologia e inovação, qualidade das produções e elenco de estrelas reconhecidas. Apesar dos desafios enfrentados, como o caso de assédio sexual e a concorrência com sites gratuitos, a empresa continua a se reinventar e buscar novos nichos de mercado, sob a liderança de Hirsch.

Última atualização da matéria foi há 1 ano


Compartilhe este conteúdo com seus amigos. Desde já obrigado!

Facebook Comments

Espaço Publicitário:
* * * * * * * * * *
Voltar ao Topo
Skip to content
Verified by MonsterInsights