Sua Página
Fullscreen

A história de expansão da marca Nutty Bavarian

Compartilhe este conteúdo com seus amigos. Desde já obrigado!

A Nutty Bavarian, famosa pelas castanhas glaceadas mais cheirosas do Brasil, vendidas nos quiosques da rede em shoppings, aeroportos e grandes varejistas, além de embalagens especiais nas prateleiras dos supermercados, participou da FranchiseB2B, em Belo Horizonte (MG), no dia 17 de fevereiro, das 9h às 21h, no Hotel Mercure BH.

Segundo Adriana Auriemo, fundadora da Nutty Bavarian no Brasil, “a participação da empresa na feira representa uma excelente oportunidade para voltarmos ao mercado de Belo Horizonte, pois antes da pandemia um dos nossos melhores pontos era em BH. Acredito que a capital mineira apresenta um grande potencial de expansão para a marca”.

Adriana Auriemo será uma das integrantes do ciclo de palestras gratuitas organizado pela FranchiseB2B, abordando o tema empreendedorismo feminino.

“É cada vez mais comum encontrar mulheres empreendedoras tocando ótimos negócios, fazendo a diferença na economia do país. Para manter os bons resultados, é importante conhecer os desafios, estar sempre inovando e mantendo-se informada sobre as inovações e necessidades do mercado”, afirma a empresária.

Para 2022, além do plano de expansão com abertura de novos quiosques, a Nutty Bavarian visa explorar outros canais de venda.

Hoje a marca está presente em todos os canais digitais, em supermercados, em hotéis, farmácias, lojas de conveniência, cafeterias.

A empresa também vem apostando em parcerias com outras empresas, co-brandigs.

Leia ou ouça também:  Outsourcing de TI pode auxiliar a digitalização das PMEs

“Desejamos explorar outros modelos de consumo dos nossos produtos”, diz Auriemo.

Sobre a Nutty Bavarian:

Fundada no Brasil em 1996, a marca chegou ao país com a empresária Adriana Auriemo, que conheceu o produto nos Estados Unidos enquanto assistia a um jogo de basquete.

Com cerca de 110 quiosques espalhados por todo país, a Nutty Bavarian vende cerca de 40 toneladas de castanhas por mês.

*Com participação da jornalista Marcia Fonseca.

Última atualização da matéria foi há 5 meses


Compartilhe este conteúdo com seus amigos. Desde já obrigado!

Facebook Comments

Espaço Publicitário:
* * * * * * * * * *
Voltar ao Topo
Skip to content