Sua Página
Fullscreen

UMA X: marca aposta na sustentabilidade

Compartilhe este conteúdo com seus amigos. Desde já obrigado!

A busca por relações de trabalho justas e a redução do impacto ambiental na produção de roupas sempre foram preocupações cruciais para a UMA, uma marca de moda contemporânea fundada por Raquel Davidowicz. Em 2020, esses princípios deram origem à UMA X, uma linha de roupas genderless e sustentáveis voltada para um público mais jovem, que coloca a sustentabilidade como seu pilar central.

Nas palavras da idealizadora da UMA X, Vanessa Davidowicz, “Entrei neste mercado sabendo dos desafios que a indústria precisa enfrentar para minimizar, ao máximo, os impactos do setor no meio ambiente. Eu acredito que é um caminho sem volta, que começou com uma movimentação de marcas menores e locais, e agora é liderado pelas marcas de luxo e está ganhando uma vazão maior.” Essa visão é o cerne da filosofia da UMA X e representa o compromisso de liderar o movimento em direção a práticas de moda mais sustentáveis.

A transição para uma moda mais eco-friendly não é isenta de desafios, e um dos principais obstáculos enfrentados pelas marcas é a escassez de matéria-prima sustentável no Brasil, apesar de seu grande potencial. Vanessa explica que a maioria das tecnologias sustentáveis ainda é importada, mas há uma mudança em curso graças a projetos locais liderados por nomes influentes. Ela também enfatiza a importância dos incentivos públicos como um fator essencial para fortalecer o movimento sustentável no mercado de consumo nacional.

As novas gerações estão crescendo com uma consciência ambiental mais aguçada e compreendem a importância das práticas sustentáveis no dia a dia. Elas estão demandando posicionamentos claros das marcas que consomem, o que cria um estímulo positivo para o mercado da moda se tornar mais responsável e sustentável.

Além disso, tornar essas soluções acessíveis a toda a cadeia de produção é um desafio importante, tanto para as grandes empresas de moda quanto para as marcas independentes. A sustentabilidade precisa ser incorporada de forma abrangente, de modo que todas as etapas da produção, desde a escolha dos materiais até a distribuição, sejam conduzidas de maneira ecologicamente responsável.

No último lançamento da UMA X, intitulado “Híbrido” e lançado em junho, vemos a continuidade da abordagem contemporânea da marca, trazendo sustentabilidade para o centro das atenções. As peças são produzidas em modelagens urbanas e descontruídas, incorporando tecidos tecnológicos como tricoline de algodão orgânico com toque empapelado, poliéster reciclado certificado e sarja de algodão BCI, que ostenta o selo Eco Cycle Less Water, garantindo uma economia de até 95% de água nos processos de acabamento.

Leia ou ouça também:  Instanteaser traz inovação para a publicidade

A coleção também brinca com a sofisticação da alfaiataria, oferecendo propostas de composição diferenciadas. Jaquetas que mesclam o estilo bomber e trucker, tamanhos oversized e detalhes como mangas e capuzes em diferentes estilos e tecidos acrescentam um toque de ousadia à moda sustentável da UMA X.

Vanessa Davidowicz destaca a importância da transparência ao afirmar: “Em UMA X, todas as coleções carregam algum tipo de informação ou inovação sustentável, como economia de água, melhorias sociais no processo de cultivo e práticas do algodão, técnicas de upcycle, procedimentos biodegradáveis e diminuição do uso de matérias-primas virgens e substâncias químicas, entre outros.” Essa ênfase na transparência é essencial para estabelecer uma relação de confiança com os consumidores, que agora podem conhecer detalhadamente todos os processos envolvidos na criação de suas peças de roupa.

Além disso, a UMA X investe em colaborações criativas, unindo forças com marcas como Vicunha, Linus, Onda Eco e Recycle Memory. Essas colaborações não apenas enriquecem a variedade de produtos, mas também ampliam a conscientização sobre a moda sustentável e suas possibilidades.

Em suma, a UMA X, liderada pela visionária Vanessa Davidowicz, está pavimentando o caminho para uma moda mais sustentável e responsável. Ao enfrentar os desafios do mercado, abraçando a transparência e buscando soluções inovadoras, a marca está se destacando como um exemplo de como a indústria da moda pode evoluir em direção a práticas mais conscientes, reduzindo seu impacto no meio ambiente e promovendo relações de trabalho justas. Com cada coleção lançada, a UMA X nos lembra que a moda e a sustentabilidade podem e devem caminhar de mãos dadas.

Última atualização da matéria foi há 5 meses


Compartilhe este conteúdo com seus amigos. Desde já obrigado!

Facebook Comments

Espaço Publicitário:
* * * * * * * * * *
Voltar ao Topo
Skip to content