Sua Página
Fullscreen

Resultado de pesquisa tem lacunas nas ações de sustentabilidade em TI

Compartilhe este conteúdo com seus amigos. Desde já obrigado!

A Schneider Electric divulgou três estudos de pesquisa independentes sobre iniciativas de sustentabilidade nas organizações de TI e data center, mais especificamente, em que ponto os setores de TI e data center se encontram para alcançar essa visão de operações de TI com zero de emissões líquidas. Os resultados dos estudos, conduzidos pelos principais analistas do setor, foram apresentados pela primeira vez em uma transmissão intitulada “The Future is Now: Preparing IT Infrastructure for Net Zero Operations” (O futuro é agora: preparando a infraestrutura de TI para operações Net Zero) e revelaram uma lacuna de ações de sustentabilidade.

A 451 Research, a Forrester e a Canalys coletaram, de forma independente, dados de mais de 3.000 participantes em todo o mundo, incluindo os maiores provedores de serviços de colocation e nuvem, provedores de soluções de TI e profissionais de TI de vários segmentos e tamanhos de organizações. De modo geral, os resultados mostram, consistentemente, que, nos setores de data center e TI, há uma discrepância entre a situação em que as empresas acreditam estar e a implementação de programas de sustentabilidade de ciclo de vida completo em sua infraestrutura de TI.

De acordo com as descobertas da 451 Research, em uma pesquisa com 1.100 profissionais de TI responsáveis pela TI central e distribuída, enquanto 26% dos participantes se identificaram como tendo um programa de sustentabilidade de ciclo de vida completo que abrange toda a infraestrutura, apenas 14% estão tomando as medidas necessárias para implementar os programas. A análise identificou, ainda, que 22% não abordam a sustentabilidade como foco principal, embora possam ter iniciativas de eficiência para melhorar áreas específicas das operações.

A Schneider Electric realizou um evento no qual os executivos da empresa discutiram a Eletricidade 4.0 — uma convergência de digital e elétrico, levando-a para o um futuro sustentável, o data center e a responsabilidade do setor de TI em lidar com a crise climática. “Os data centers desempenham um papel fundamental na condução da Eletricidade 4.0, que acreditamos ser a chave para mudar a trajetória da mudança climática. Como setor, temos a responsabilidade de conduzir nossos compromissos ambientais com extrema urgência. Fizemos alguns progressos, mas para evitar um grande desafio energético, todos os data centers — incluindo os data centers de borda distribuída — devem se tornar mais sustentáveis, eficientes, adaptáveis e resilientes”, diz Pankaj Sharma, vice-presidente executivo da Divisão de Energia Segura da Schneider Electric. “A pesquisa é clara — o setor sabe que a sustentabilidade precisa ser priorizada, mas ainda há desafios a serem enfrentados e será necessário um esforço colaborativo para superá-los. A boa notícia é que a tecnologia para agir em prol da sustentabilidade existe hoje em dia. Agora, é a hora de agir”, conclui.

Leia ou ouça também:  Empresa global chega ao Brasil para atender demanda crescente por IA

Última atualização da matéria foi há 10 meses


Compartilhe este conteúdo com seus amigos. Desde já obrigado!

Facebook Comments

Espaço Publicitário:
* * * * * * * * * *
Voltar ao Topo
Skip to content
Verified by MonsterInsights