Sua Página
Fullscreen

Datainfo tem crescimento de 30% em 2022

Compartilhe este conteúdo com seus amigos. Desde já obrigado!

A Datainfo encerrou 2022 com crescimento de 30% e com as metas do planejamento cumpridas, se posicionando como uma empresa com faturamento superior a 100 milhões de reais. Esse crescimento contempla um aumento da rentabilidade do negócio em um cenário de apagão de mão de obra e, consequente, aumento nos salários entre os profissionais de TI. O faturamento da empresa ficou dividido em 75% Serviços e 25% Produtos. Em contratações, fechou 2022 com 700 colaboradores diretos e tem potencial para terminar este ano com mais 300 postos de trabalho alcançando 1 mil profissionais. Para 2023, mesmo com as incertezas de mercado, a empresa continua otimista para continuar com o ritmo de crescimento dos últimos anos e vê potencial para aumentar em 50% a carteira de clientes. Para internacionalização, a Datainfo irá investir um total de R$30 milhões. O processo já foi iniciado para Portugal e, em um momento posterior, será expandido para Canadá e Estados Unidos. De acordo com Márcio Gonçalves, CEO e fundador da Datainfo: “Realizamos uma bela história ao longo destes 20 anos, sempre crescendo e inovando, com muita resiliência, garantindo não apenas aumento de receita, mas também resultados lucrativos. Nos identificamos com a proposta de empresas camelo, que priorizam a sustentabilidade do negócio no longo prazo independente das intempéries de mercado”.

Márcio, como a Datainfo conseguiu alcançar um crescimento de 30% em 2022?

O nosso crescimento em 2022 foi muito bom. Seguimos no mesmo ritmo dos anos anteriores, um ritmo sustentável de crescimento para uma empresa do nosso porte que ano a ano sempre conquista mais mercado. Todos os anos, fazemos um estudo de crescimento junto ao potencial de demandas de nossos clientes e preparamos a nossa capacidade de entrega dimensionando equipes para manter a nossa qualidade. Encerramos 2022 com as metas do planejamento cumpridas, nos posicionando como uma empresa de serviços e produtos de software com faturamento superior a 100 milhões de reais e trabalhando no aumento da rentabilidade do negócio.

Qual é a divisão do faturamento da empresa entre Serviços e Produtos?

Em 2022, o faturamento da empresa ficou dividido em 70% Serviços e 30% Produtos. Tivemos excelentes negócios firmados com empresas e órgãos públicos de grande porte para serviços de outsourcing e muitos clientes de médio e pequeno porte buscaram a Datainfo para utilizar nossas soluções de ERP, aplicações e softwares para modernizar sua gestão.

Quantos colaboradores diretos a Datainfo tinha no final de 2022?

Concluímos 2022 com 700 colaboradores diretos que estão distribuídos por várias regiões do país. Trabalhamos em formato remoto, híbrido e presencial, incluindo presencial em nossas unidades de desenvolvimento e na própria sede do cliente, a depender do escopo do projeto. Temos preferido e incentivado o modelo híbrido de trabalho.

Qual é a previsão de contratações da empresa para 2023?

Queremos atingir mil colaboradores diretos este ano e vemos potencial para isso com a expansão da carteira de clientes e com as iniciativas de internacionalização que estão em andamento, o que nos demanda mais profissionais para atender as novas ofertas e os novos projetos.

Como a Datainfo vê o potencial de crescimento de sua carteira de clientes em 2023?

Vemos potencial de aumentar nossa carteira de clientes em 50%, tanto pelo andamento da prospecção de nossas soluções de negócios quanto pelo aumento da procura pelo outsourcing, que é nosso carro-chefe. O outsourcing é o serviço que entrega o produto que o cliente quer sem que ele precise se preocupar em recrutar sua própria equipe de TI e manter toda a estrutura. Mais e mais empresas encaram o outsourcing como uma solução para realizar a transformação digital de seus negócios e é aí que a Datainfo aparece para operacionalizar essa modernização.

Quanto a empresa irá investir para se internacionalizar?

Temos um plano de atuação dividido em etapas para os próximos três anos, com investimento total de R$30 milhões. Neste ano iremos investir R$10 milhões na abertura dos primeiros escritórios internacionais.

Quais são os países onde a Datainfo planeja abrir operações?

A Datainfo pretende abrir operações locais em Portugal, Canadá, Estados Unidos e Alemanha. O processo já está em andamento para a abertura dos escritórios em Portugal e Canadá neste ano de 2023. Em Portugal, temos uma relação com parceiros há muitos anos e no Canadá já temos clientes atendidos de forma bem-sucedida daqui mesmo do Brasil.

Como a empresa pretende oferecer serviços e produtos localmente em cada país onde abrir operação?

Nosso objetivo é abrir escritórios não só para representação comercial, mas também para a oferta de serviços e produtos localmente. Para isso temos o plano de adquirir startups ou empresas nos países onde a Datainfo atuará, a fim de acelerar o processo de localização de serviços e produtos e a adição de base de clientes.

Quem está comandando as áreas privada e pública da empresa?

Fizemos uma reorganização interna na Datainfo e tomamos a decisão de criar duas vice-presidências com mais autonomia para agir, uma para atender a área privada e outra para a área pública. A área pública é comandada por Marcelo Ferrari, que é cofundador da Datainfo e tem caminhado comigo nesses 20 anos de jornada da empresa. Ferrari tem um conhecimento técnico e prático do atendimento ao serviço público nas três esferas, inclusive no que tange aos trâmites da própria concorrência de um processo licitatório. Para vice-presidente da área privada, escolhi o Marcos Moraes, que já havia atuado como nosso diretor comercial para o mercado privado. Optei pelo Marcos por sua expertise em nossos negócios, pelo seu currículo extenso e dedicado e pelo conhecimento acumulado que tem em vários segmentos onde temos clientes.

Como a Datainfo está consolidando sua reputação de qualidade de entrega de serviços e produtos?

Realizamos uma bela história ao longo destes 20 anos, sempre crescendo e inovando, com muita resiliência e colhendo os frutos desse planejamento cuidadoso. Procuramos sempre obter certificações e atestados de capacidade técnica que comprovem a qualidade de nossos serviços e produtos. São mais de 500 atestados de capacidade técnica emitidos por nossos clientes e somos certificados em processos de qualidade ISO 9001 e CMMI-DEV Nível 3. Internamente, incentivamos o aperfeiçoamento e capacitação constante da equipe, algo essencial em um meio como o de tecnologia, no qual as coisas mudam e evoluem rapidamente. Estamos sempre no movimento de aperfeiçoar a técnica e entrega ao cliente e isso é percebido no mercado. Quando participamos de um Pedido de Proposta (RFP, na sigla em inglês) ou de uma licitação, por exemplo, os concorrentes sabem que a Datainfo tem a capacidade técnica, que temos um currículo de entregas que fala por si e atesta a seriedade do nosso trabalho.

Quais são as soluções de produtos oferecidas pela Datainfo atualmente?

Na parte do outsourcing, nossas soluções de serviços permitem entregar aos nossos clientes o desenvolvimento de sistemas e aplicativos em larga escala utilizando as mais novas tecnologias. Para suportar os ambientes produtivos, fornecemos equipes especializadas para manter a infra & cloud destas soluções. Com relação aos nossos próprios produtos de software, temos sistema ERP – Enterprise Resource Planning, softwares, aplicativos e soluções on-premise e nuvem para os mais distintos segmentos. A exemplo, o i-ERP EME4 (ERP escalável), EME4 Rocket (ERP para pequenas empresas), Totali (solução para o varejo), Gesti (gestão de chamados), Service (gestão de projetos), BR Conselhos (soluções para conselhos federais), BR Eleições (soluções de eleições eletrônicas) e Previva (acompanhamento para medicina preventiva).

Última atualização da matéria foi há 1 ano


Compartilhe este conteúdo com seus amigos. Desde já obrigado!

Facebook Comments

Espaço Publicitário:
* * * * * * * * * *
Voltar ao Topo
Skip to content
Verified by MonsterInsights