Sua Página
Fullscreen

Descarte indevido de resíduos amplia riscos de enchentes e alagamentos

Compartilhe este conteúdo com seus amigos. Desde já obrigado!

As enchentes são eventos naturais que podem ocorrer devido às chuvas intensas, transbordamento de rios, entre outros fatores. Já os alagamentos, ocorrem em meio urbano, decorrente do acúmulo de água em ruas devido à problemas de drenagem e impermeabilização do solo.  

Um fator cada vez mais presente que acelera essas ocorrências artificiais de acúmulo de água é o descarte inadequado de resíduos. Quando resíduos como plásticos, garrafas, sacolas e outros são jogados nas ruas, eles acabam obstruindo os bueiros e impedindo o escoamento adequado das águas pluviais, potencializando o processo de alagamento. 

De acordo com a CNM (Confederação Nacional de Municípios), em 2022, a cada desastre natural ocorrido no Brasil, aproximadamente 3,4 mil pessoas foram diretamente afetadas, sendo que as fortes chuvas, enxurradas, inundações e alagamentos representaram 15, 7% desses eventos. 

Esses números alarmantes destacam a necessidade urgente de conscientização e mudança de comportamento por parte da população. O descarte inadequado de resíduos não apenas obstrui as redes de drenagem, mas também causa um impacto negativo na qualidade de vida da população, causando poluição difusa, assoreamento em corpos d’água e atraindo vetores de importância sanitária que encontram condições propícias para se proliferarem em um ambiente de acúmulo de lixo 

Uma das soluções mais eficazes para evitar que os resíduos urbanos sejam levados pela chuva até as bocas de bueiros ou aos rios, é o uso da conteinerização. Esse método consiste em acondicionar os resíduos em contêineres até o momento do serviço de coleta municipal, em vez de deixá-los expostos em calçadas e ruas. No Brasil, segundo Nathalia Costa, responsável por projetos na empresa Contemar Ambiental, especializada em conteinerização de resíduos sólidos no país, os contentores e papeleiras colocados estrategicamente em muitos municípios têm cumprido um papel essencial na limpeza urbana e na redução do risco de alagamentos 

Leia ou ouça também:  O sucesso duradouro na visão de Sandro Magaldi

De acordo com o Panorama de 2022 da Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais (Abrelpe), os benefícios de uma gestão adequada de resíduos sólidos são vários e de consideráveis proporções, em termos ambientais, climáticos, sociais, de saúde e econômicos, a demonstrar que o descaso e a indiferença com esse setor não podem mais prevalecer. 
 
Portanto, é fundamental que cada indivíduo assuma a responsabilidade pela destinação correta do lixo gerado e estabeleça suas próprias ações para a preservação do meio ambiente. Isso inclui o uso de lixeiras apropriadas, a separação dos materiais recicláveis, o apoio aos programas de coleta seletiva e a conscientização sobre os danos que o descarte incorreto do lixo pode causar. 

 

Última atualização da matéria foi há 10 meses


Compartilhe este conteúdo com seus amigos. Desde já obrigado!

Facebook Comments

Espaço Publicitário:
* * * * * * * * * *
Voltar ao Topo
Skip to content
Verified by MonsterInsights