Sua Página
Fullscreen

Carnaval: como se recuperar da folia agora?

Compartilhe este conteúdo com seus amigos. Desde já obrigado!

O Carnaval é uma festa tradicionalmente conhecida pela alegria, música e descontração, mas nem por isso precisamos deixar de lado o cuidado com a saúde. Em 2023, foram estimadas, pelo Ministério do Turismo, cerca de 45 milhões de pessoas nos principais destinos carnavalescos durante o período. Só em São Paulo, foram cerca de 15 milhões. A concentração de pessoas, aliada ao sol quente e chuvas característico da época, má alimentação e hidratação, além da falta de descanso e consumo de bebidas alcoólicas, favorece o aparecimento de doenças, tais como gripe, conjuntivite e mononucleose.

“O carnaval é marcado pela sua intensidade e alegria contagiantes e pode ganhar uma dimensão ainda mais satisfatória quando abraçamos princípios de responsabilidade e bem-estar. É possível aproveitar plenamente a festividade, criando momentos memoráveis sem comprometer a saúde geral e sobrecarregar o corpo. Alguns cuidados como beber bastante água, especialmente se for consumir álcool, protetor solar, evitar muita aglomeração, são medidas simples, porém eficazes”, afirma Dra. Karina Santos, médica do Time de Saúde da Sami, healthtech revolução dos planos de saúde.

Pensando nisso, a especialista reuniu quatro dicas essenciais para aproveitar o carnaval de forma saudável e garantir que a folia não pese na saúde:

Hidratação em primeiro lugar

com a agitação das festividades e as altas temperaturas típicas dessa época, manter-se hidratado é fundamental. O consumo regular de água ajuda a prevenir a desidratação e garante que o corpo funcione adequadamente. Evite o excesso de bebidas alcoólicas, que podem levar à desidratação, e intercale o consumo de álcool com a ingestão de água para manter o equilíbrio. Pode ser tentador trocar a água por refrigerantes, chás e sucos quando se está com sede, mas nem sempre é uma boa opção. Sucos e chás naturais sem açúcar até auxiliam na hidratação, porém, é preciso ter cuidado. Bebidas que contenham cafeína, açúcar e sódio acabam tendo resultado negativo para o corpo, adicionando substâncias pouco saudáveis à dieta. Portanto, a solução mais benéfica é sempre a água em seu estado natural.

Escolhas alimentares conscientes

O carnaval não é desculpa para se render a uma alimentação desregrada. Opte por lanches saudáveis, ricos em nutrientes, como frutas, vegetais e lanches integrais. Evite o consumo excessivo de alimentos ricos em gorduras saturadas e açúcares, que podem prejudicar a digestão e levar ao cansaço. Planeje suas refeições e faça escolhas conscientes para garantir a energia necessária para aproveitar a festa. Durante as altas temperaturas, o corpo perde mais água por suar muito mais. Além disso, a falta de fome também é um fator preocupante: diferente do inverno, quando temos mais apetite, o calor inibe a fome, fazendo com que nossa nutrição fique desequilibrada. As mudanças fisiológicas do verão também precisam ser ajustadas a uma alimentação mais leve para compensar a perda de água e nutrientes e a pouca vontade de se alimentar. Sem contar que nosso corpo diminui a produção de energia, se comparado às temperaturas frias, com isso, nossa alimentação também precisa ser menos calórica. Por isso, a dica aqui é optar por frutas e legumes, evitar molhos em saladas e trazer as fibras como aliadas.

Leia ou ouça também:  Ricardo Triana analisa o poder das power skills

Mantenha o corpo ativo

A folia do carnaval em si já é uma forma de atividade física, mas é importante manter uma rotina de exercícios antes e durante a festa. Alongamentos e caminhadas ajudam a preparar o corpo para a maratona de dança e evitam lesões. Lembre-se de ouvir o corpo e descansar quando necessário para evitar o cansaço excessivo. Para não se descuidar da saúde mesmo com as altas temperaturas do período, procurar lugares frescos, como praias e campos, é uma grande e divertida aposta para manter o corpo em movimento. Nunca deixe de andar com uma garrafa de água à disposição.

Cuidado com a exposição ao sol

Seja nas festas de rua, nos bloquinhos ou nas praias, a exposição ao sol é inevitável durante o Carnaval. Use protetor solar adequado, evite o sol entre 12h e 16h, prefira lugares arejados e com sombra, não use roupas pesadas e escuras e reaplique protetor solar sempre que necessário. E, se possível, encontre sombras para descansar e evitar a exaustão térmica. Afinal, a exposição excessiva ao sol pode gerar queimaduras graves e aumentar o risco de câncer de pele e desidratação.

Última atualização da matéria foi há 2 meses


Compartilhe este conteúdo com seus amigos. Desde já obrigado!

Facebook Comments

Espaço Publicitário:
* * * * * * * * * *
Voltar ao Topo
Skip to content
Verified by MonsterInsights