Sua Página
Fullscreen

Como obter uma ótima remuneração

Compartilhe este conteúdo com seus amigos. Desde já obrigado!

É com grande prazer que o portal Panorama Mercantil traz uma entrevista exclusiva com a renomada especialista em desenvolvimento de pessoas, Càmilla de Souza. Em um mundo profissional em constante evolução, onde a busca por reconhecimento e remuneração justa é uma aspiração comum, Càmilla compartilhará sua valiosa experiência e insights sobre como abordar a delicada questão de pedir um aumento de salário. A negociação salarial é um tópico relevante para profissionais em todos os estágios de suas carreiras, e fazê-lo de forma sensível às necessidades da empresa é fundamental para alcançar um resultado positivo para ambas as partes. Nesta entrevista, Càmilla fornecerá orientações práticas e estratégias que ajudarão os profissionais a conduzir essa conversa de maneira construtiva e eficaz. Além disso, exploraremos a importância de conhecer a média salarial do mercado ao solicitar um aumento de salário e como as habilidades técnicas e interpessoais desempenham um papel fundamental nesse processo. Càmilla também abordará a relevância das soft skills, como a fluência em inglês, na valorização e progresso da carreira, de acordo com pesquisas da Catho. Portanto, prepare-se para adquirir valiosas percepções sobre como dar o próximo passo em sua trajetória profissional com sensibilidade e determinação. Esta entrevista com Càmilla de Souza é uma oportunidade imperdível para aprimorar suas habilidades de negociação salarial.

Càmilla, que conselhos você daria para alguém que deseja pedir um aumento de salário em sua carreira?

Lembre-se de que pedir um aumento de salário é uma parte normal da carreira, desde que seja feito com respeito e consideração. Conhecer a média salarial do mercado é importante, pois, fornece uma base objetiva para sua solicitação e ajuda a garantir que você seja remunerado de forma justa em comparação com seus pares no trabalho. E para solicitar um aumento de salário eu resolvi listar pontos importantes que o colaborador precisa antes da tomada de decisão:

Pesquise a média salarial do mercado:

Conhecer a média salarial do mercado é fundamental para fundamentar seu pedido. Isso permite que você demonstre que está ciente do valor de mercado para sua função e que deseja ser compensado de forma justa. Sites, como o Glassdoor, o LinkedIn e o Bureau of Labor Statistics, podem fornecer informações sobre salários médios em sua área e setor.

Avalie seu desempenho:

Antes de pedir um aumento, avalie seu desempenho e conquistas no trabalho. Reúna evidências de suas realizações, como metas alcançadas, projetos bem-sucedidos e contribuições específicas para a empresa. Isso ajuda a justificar o aumento com base em seu mérito.

Escolha o momento certo:

Espere por um momento apropriado para fazer o pedido. Isso pode ser após uma avaliação de desempenho positiva, quando você concluiu um projeto importante com sucesso ou durante a revisão salarial anual da empresa. Evite fazer o pedido em momentos de crise ou quando a empresa estiver enfrentando dificuldades financeiras.

Pratique a comunicação:

Prepare-se para a conversa com seu supervisor. Ensaiar o pedido com antecedência pode ajudar a reduzir nervosismo e garantir que você apresente seus argumentos de maneira clara e convincente.

Seja objetivo e baseado em fatos:

Ao solicitar um aumento, seja objetivo e baseado em fatos. Apresente suas realizações, suas responsabilidades adicionais e como elas contribuíram para o sucesso da empresa. Evite reclamações ou justificativas pessoais.

Qual é a importância de conhecer a média salarial do mercado ao solicitar um aumento de salário?

Esteja preparado para negociação:

Seu empregador pode não concordar em dar o aumento que você deseja imediatamente. Esteja disposto a negociar e considere outras formas de compensação, como benefícios adicionais, horário flexível ou bônus com base no desempenho.

Mostre comprometimento:

Demonstre seu comprometimento contínuo com a empresa e seu interesse em contribuir para o sucesso dela no futuro. Isso pode incluir a busca de oportunidades de treinamento e desenvolvimento.

Esteja disposto a ouvir:

Esteja aberto a ouvir o feedback de seu supervisor. Se o aumento não for possível no momento, pergunte quais etapas você pode seguir para alcançar seu objetivo no futuro.

Como podemos identificar as habilidades técnicas ou específicas do cargo que podem justificar um aumento de salário?

Para justificar um aumento de salário, você pode considerar:

Conquistas e resultados específicos alcançados no cargo.

Responsabilidades adicionais que você assumiu.

Habilidades técnicas exclusivas que você desenvolveu.

Certificações relevantes para o cargo.

Experiência em tecnologias ou ferramentas específicas do setor.

Quais cursos profissionalizantes e treinamentos são mais valorizados pelas empresas ao considerar um aumento salarial?

As empresas costumam valorizar cursos e treinamentos que estão alinhados com as necessidades do cargo e do setor. Alguns exemplos incluem:

Certificações técnicas reconhecidas.

Treinamentos em novas tecnologias ou softwares.

Cursos que aprimoram habilidades de resolução de problemas, liderança e comunicação.

Qualquer educação continuada que mantenha você atualizado em sua área.

Por que as habilidades pessoais, como as soft skills, são tão cruciais no mercado de trabalho atual?

As soft skills, como habilidades de comunicação, trabalho em equipe, resolução de conflitos e pensamento crítico, são cruciais no mercado de trabalho atual por várias razões:

Contribuem para um ambiente de trabalho mais colaborativo e produtivo.

Permitem que os profissionais se adaptem a mudanças e inovações.

São fundamentais para lidar com clientes e colegas de maneira eficaz.

Podem diferenciar candidatos em processos de seleção e influenciar promoções e aumentos salariais, pois, são essenciais para o sucesso a longo prazo.

Ao considerar um aumento de salário, é importante destacar tanto suas habilidades técnicas específicas quanto suas habilidades interpessoais (soft skills), pois, ambas desempenham um papel fundamental no sucesso e na valorização de um profissional.

Quais são as principais soft skills que os profissionais devem desenvolver para melhorar suas perspectivas de salário?

Desenvolver soft skills é fundamental para melhorar as perspectivas de salário, pois, essas habilidades interpessoais e de comunicação são altamente valorizadas no mercado de trabalho. E para aumentar suas perspectivas salariais, é importante demonstrar suas habilidades no idioma inglês, seja por meio de certificações, experiência internacional ou demonstrando a capacidade de se comunicar efetivamente em situações de trabalho relevantes. Em geral, as empresas avaliarão o domínio de outro idioma, como o inglês, com base em suas necessidades específicas e nas demandas do cargo. Portanto, adaptar suas habilidades linguísticas às exigências da sua indústria e carreira é uma estratégia inteligente.

Como as empresas avaliam o domínio de outro idioma, como o inglês, ao determinar aumentos salariais?

Algumas das principais soft skills que podem influenciar positivamente os salários dos profissionais incluem:

Comunicação eficaz: A capacidade de comunicar ideias de maneira clara e persuasiva é fundamental em quase todas as profissões. Isso envolve tanto a comunicação verbal quanto a escrita.

Trabalho em equipe: A habilidade de colaborar bem com colegas de trabalho, resolver conflitos e contribuir positivamente para o trabalho em equipe é valorizada em ambientes de trabalho colaborativos.

Liderança: Demonstrar liderança, mesmo que você não tenha uma posição de liderança formal, pode ser uma vantagem. Habilidades de liderança incluem a capacidade de motivar, orientar e influenciar os outros.

Pensamento crítico: A capacidade de analisar problemas, tomar decisões informadas e encontrar soluções criativas é altamente valorizada.

Resolução de problemas: Ser capaz de identificar e resolver problemas de maneira eficaz pode contribuir para sua empregabilidade e valor no mercado.

Adaptabilidade: Em um ambiente de trabalho em constante evolução, a capacidade de se adaptar a novas situações e aprender rapidamente é essencial.

Empatia: A empatia, ou a capacidade de entender e se relacionar com as emoções e perspectivas dos outros, é importante para construir relacionamentos e colaborar efetivamente.

Quanto ao domínio de outros idiomas, como o inglês, ele pode ser um fator importante para determinar aumentos salariais, dependendo da indústria e do tipo de trabalho. Menciono agora alguns pontos importantes:

Requisito da posição: Algumas posições exigem o conhecimento de um idioma estrangeiro, e o inglês é frequentemente um requisito comum. Se o inglês for essencial para a função, a fluência nesse idioma pode ser um fator-chave na negociação de salário.

Comunicação internacional: Se a empresa possui operações internacionais ou negocia com clientes, fornecedores ou parceiros estrangeiros, a capacidade de se comunicar em inglês pode ser vista como uma habilidade valiosa.

Setores específicos: Em setores como tecnologia, finanças e consultoria, onde a comunicação global é comum, o domínio do inglês é particularmente valorizado.

Certificações ou testes de proficiência: Algumas empresas podem exigir que os funcionários obtenham certificações ou façam testes de proficiência em inglês, como o TOEFL ou IELTS, para avaliar seu nível de competência no idioma.

Experiência internacional: A experiência de trabalho em países de língua inglesa ou em ambientes internacionais onde o inglês é a língua principal também pode ser vantajosa.

Quais são os benefícios do aprendizado intensivo de inglês para profissionais que desejam avançar em suas carreiras?

O aprendizado intensivo de inglês pode trazer uma série de benefícios para profissionais que desejam avançar em suas carreiras. aprender inglês intensivamente pode oferecer inúmeros benefícios para avançar na carreira, e muitos dos mitos sobre a aprendizagem de idiomas podem ser superados com dedicação e abordagens eficazes de aprendizagem.

Que mitos são comuns sobre a aprendizagem rápida de um novo idioma que os profissionais devem evitar?

Acesso a uma ampla gama de recursos e informações: O inglês é a língua franca dos negócios e da comunicação global. Aprender inglês permite que profissionais acessem uma vasta quantidade de informações, recursos e oportunidades de aprendizado disponíveis em inglês, como artigos, livros, cursos e materiais educacionais.

Melhores oportunidades de emprego: Muitas empresas, especialmente as multinacionais, exigem que seus funcionários tenham proficiência em inglês. Ter um bom domínio do idioma pode abrir portas para empregos melhores e mais bem remunerados, já que muitas vagas de alta qualificação exigem habilidades de comunicação em inglês.

Comunicação eficaz: O inglês é a língua comum para comunicação em ambientes de negócios internacionais. A capacidade de se comunicar em inglês de forma eficaz é fundamental para colaborar com colegas, clientes e parceiros globais.

Participação em conferências e eventos internacionais: Profissionais que falam inglês têm a oportunidade de participar de conferências e eventos internacionais, o que pode expandir suas redes de contatos e conhecimento em suas áreas de atuação.

Maior mobilidade profissional: A proficiência em inglês torna mais fácil a possibilidade de trabalhar em diferentes países e regiões do mundo, o que pode ser uma vantagem significativa na busca por oportunidades de carreira.

Por que saber falar inglês pode aumentar o salário de um candidato em até 170%, de acordo com pesquisas da Catho?

Em relação à pesquisa da Catho que sugere um aumento de até 170% no salário para candidatos que falam inglês, isso pode ser atribuído a vários fatores. Profissionais que falam inglês tendem a ser mais qualificados e podem se candidatar a empregos que pagam salários mais altos. Além disso, a capacidade de se comunicar em inglês é frequentemente considerada uma habilidade valiosa que justifica um salário mais alto em muitos setores e cargos.

Quanto aos mitos comuns sobre a aprendizagem rápida de um novo idioma que os profissionais devem evitar, aqui estão alguns deles:

“Aprender um novo idioma é muito difícil para adultos”: Embora seja verdade que pode ser mais fácil para crianças aprenderem novos idiomas, os adultos têm a capacidade de aprender idiomas com dedicação e prática consistentes. É uma questão de tempo e esforço.

“É preciso um dom inato para aprender um novo idioma”: Não é necessário ter um “dom” especial para aprender um novo idioma. O sucesso na aprendizagem de idiomas está relacionado geralmente ao esforço, prática e imersão na língua.

“É necessário viver em um país onde o idioma é falado para aprender”: Embora a imersão em um ambiente onde o idioma é falado seja benéfica, é possível aprender um novo idioma em qualquer lugar com recursos adequados, como aulas, materiais de estudo e prática regular.

“Não tenho tempo suficiente para aprender um novo idioma”: A aprendizagem de um novo idioma requer tempo e consistência, mas é possível integrar o estudo do idioma na rotina diária, mesmo com um cronograma ocupado.

“A fluência completa é o único objetivo válido”: Você não precisa atingir a fluência completa para colher os benefícios de aprender um novo idioma. Mesmo um nível intermediário de proficiência pode ser valioso em sua carreira.

Como você sugere que os profissionais abordem a negociação de um aumento de salário sem parecerem insensíveis às necessidades da empresa?

Negociar um aumento de salário de forma sensível e eficaz requer tato e consideração pelas necessidades da empresa. Lembre-se de que a negociação de um aumento de salário deve ser uma conversa construtiva, na qual ambas as partes buscam um acordo que seja justo e sustentável para a empresa e para você como profissional. A sensibilidade às necessidades da empresa e uma abordagem colaborativa podem ajudar a criar um ambiente propício para uma negociação bem-sucedida.

Prepare-se com antecedência:

Antes de iniciar a negociação, faça sua lição de casa. Pesquise o mercado e descubra qual é o salário médio para sua posição e experiência.

Liste suas realizações e contribuições para a empresa, destacando como você agregou valor à organização.

Esteja ciente da situação financeira da empresa e de quaisquer desafios que ela possa estar enfrentando.

Escolha o momento certo:

Espere um momento apropriado para discutir o aumento, como após uma avaliação de desempenho bem-sucedida ou ao atingir metas significativas.

Evite solicitar um aumento em momentos de crise ou dificuldades financeiras para a empresa.

Abordagem colaborativa:

Em vez de exigir um aumento, aborde a questão de maneira colaborativa. Pergunte como você pode contribuir ainda mais para o sucesso da empresa e como sua remuneração pode refletir esse compromisso.

Comunique suas necessidades:

Em vez de focar apenas em suas necessidades, relacione o aumento de salário a suas responsabilidades e ao mercado de trabalho.

Destaque o impacto positivo que um aumento teria em sua motivação e comprometimento.

Mostre flexibilidade:

Esteja disposto a discutir outras formas de remuneração, como bônus, benefícios adicionais ou oportunidades de crescimento profissional.

Apresente seus argumentos de forma clara e objetiva:

Seja claro sobre o valor que você agrega à empresa e forneça exemplos concretos de suas realizações.

Evite trazer fatores pessoais para a negociação.

Escute ativamente:

Esteja preparado para ouvir a perspectiva da empresa e estar aberto a contrapropostas.

Mostre compreensão pelas preocupações da empresa e esteja disposto a chegar a um acordo mutuamente benéfico.

Demonstre apreço:

Lembre-se de expressar sua gratidão pela oportunidade de trabalhar na empresa e pelo apoio que recebeu até o momento.

Mantenha a calma:

Mantenha a compostura, mesmo que a resposta inicial seja negativa. Evite confrontos ou pressões excessivas.

Última atualização da matéria foi há 4 meses


Compartilhe este conteúdo com seus amigos. Desde já obrigado!

Facebook Comments

Espaço Publicitário:
* * * * * * * * * *
Voltar ao Topo
Skip to content